14 agosto 2018

Últimos filmes vistos - #28 | Especial Marvel

Fiquei tanto tempo sem ir ao cinema que acabei perdendo vários filmes que eu queria assistir, resolvi então colocar em dia alguns da Marvel que ficaram de lado. Eu adoro os filmes da Marvel, não sei porque enrolei tanto para assistir.

Guardiões da Galáxia Vol. 2
"Os Guardiões precisam lutar para manter sua recém descoberta família unida, enquanto descobrem os mistérios sobre o verdadeiro pai de Peter Quill. Antigos inimigos se tornam aliados e personagens conhecidos e amados dos quadrinhos virão ao auxílio dos nossos heróis, enquanto o Universo Cinematográfico da Marvel continua se expandindo."

Eu amei o primeiro filme e me arrependo muito de não ter ido ao cinema assistir essa continuação. É um filme cheio de comédia, muita ação e com a trilha sonora maravilhosa! Diversão garantida!

Doutor Estranho
"Stephen Strange leva uma vida bem sucedida como neurocirurgião. Sua vida muda completamente quando sofre um acidente de carro e fica com as mãos debilitadas. Devido a falhas da medicina tradicional, ele parte para um lugar inesperado em busca de cura e esperança, um misterioso enclave chamado Kamar-Taj, localizado em Katmandu. Lá descobre que o local não é apenas um centro medicinal, mas também a linha de frente contra forças malignas místicas que desejam destruir nossa realidade. Ele passa a treinar e adquire poderes mágicos, mas precisa decidir se vai voltar para sua vida comum ou defender o mundo."

Confesso que dos filmes da Marvel esse foi o que menos chamou minha atenção, nunca tive curiosidade a respeito do personagem e estava com preguiça de assistir, porém o filme me surpreendeu completamente! A história é muito interessante, os efeitos são muito legais e é um filme que te prende. Muito bom!

Homem-Aranha: De Volta ao Lar
"Depois de atuar ao lado dos Vingadores, chegou a hora do pequeno Peter Parker voltar para casa e para a sua vida, já não mais tão normal. Lutando diariamente contra pequenos crimes nas redondezas, ele pensa ter encontrado a missão de sua vida quando o terrível vilão Abutre surge amedrontando a cidade. O problema é que a tarefa não será tão fácil como ele imaginava."

Eu amei a primeira trilogia de Homem-Aranha, apesar de não ser meu personagem favorito, ele tinha me conquistado, porém a segunda versão foi um caos, me deixou super desanimada com esse novo filme. Tom Holland me surpreendeu positivamente, ele fez do Homem-Aranha um ótimo personagem novamente. O filme é a cara da Marvel, muita aventura, muita ação e muita comédia.

Thor: Ragnarok
"Thor está aprisionado do outro lado do universo, sem seu martelo, e se vê em uma corrida para voltar até Asgard e impedir o Ragnarok – a destruição de seu lar e o fim da civilização asgardiana – que está nas mãos de uma nova e poderosa ameaça, a terrível Hela. Mas primeiro ele precisa sobreviver a uma batalha de gladiadores que o coloca contra seu ex-aliado e vingador, o Incrível Hulk."

Muito bom! O estilo está bem diferente do que estamos acostumado a ver nos filmes do Thor, bem mais colorido, engraçado e com uma trilha sonora divertida, mas me agradou muito, principalmente pelo desenrolar do filme, cada cena teve um design completamente diferente, do mais divertido ao mais sombrio. O filme me prendeu do início ao fim, recomendo!

Pantera Negra
"Após uma tragédia, que forçou o jovem Príncipe T'Challa a assumir o trono de Wakanda, ele é confrontado em um teste final, pondo em risco o destino de seu país e do mundo inteiro. Em conflito contra sua própria família, o novo rei deve reunir seus aliados e liberar o poder total da Pantera Negra para derrotar seus inimigos e abraçar o seu futuro como um Vingador."

Um filme da Marvel sem a cara da Marvel. Um filme maduro, cheio de ensinamentos e frases fortes, sem piadinhas para animar o público, com muita luta, muito sangue, mortes. Um visual maravilhoso, ótimas atuações e grande história, eu confesso que não esperava isso tudo quando vi os comentários dos fãs, mas o filme é realmente muito bom! Assistam!

E ai, já viu algum desses filmes? Tem algum para me indicar?


10 agosto 2018

#ParaVer - Dynasty


Dynasty é um reboot da premiada série de televisão americana de mesmo nome que foi exibida de 1981 a 1989. A nova versão estreou em 2017 no canal The CW e chegou ao Brasil pela Netflix tendo seus episódios liberados semanalmente. 

Desenvolvida por Josh Schwartz, Stephanie Savage e Sallie Patrick, nomes conhecidos por Gossip Girl e Revenge, Dynasty é um novelão recheado de bons dramas que mostra os conflitos familiares de duas famílias muito ricas dos EUA.  

Não sei porque demorei tanto para começar a assistir essa série, porém quando comecei, não consegui parar. É muito drama, muita briga, muitas festas, muita confusão e muita riqueza, a série também conta com lindos romances e muito exagero. Me diverti muito com os 22 episódios da primeira temporada, o final me deixou super aflita e estou louca para saber o que vem por aí.

A segunda temporada já foi confirmada pelo canal e chega dia 12 de outubro, os episódios serão liberados semanalmente na Netflix, um dia após a exibição na The CW nos EUA. 
Sinopse:
Dynasty acompanha duas das famílias mais ricas da América, os Carringtons e os Colbys, enquanto elas brigam pelo controle de suas fortunas e seus filhos. A história gira em torno de duas mulheres em desacordo: Fallon Carrington, filha do bilionário Blake Carrington, e sua futura madrasta, Cristal, uma mulher hispânica que pretende entrar na família e na classe dos mais poderosos da América.

Elenco:
Grant Show como Blake Carrington
Elizabeth Gillies como Fallon Carrington
Nathalie Kelley como Cristal Flores/Célia Machado
James Mackay como Steven Carrington
Alan Dale como Joseph Anders
Rafael de La Fuente como Sam "Sammy Jo" Flores
Sam Adegoke como Jeff Colby
Hakeem Kae-Kazim como Cesil Colby
Robert Christopher Riley como Michael Culhane

Trailer:


07 agosto 2018

Resenha: O Poder da Vingança


Estou participando do booktour de O Poder da Vingança, feito pela Carol Antonucci do blog Caverna Literária, e hoje é minha vez de postar a minha resenha do livro. Para quem não conhece, o booktour é uma viagem que o livro faz até seus leitores, passando de casa em casa, fazendo com que todos os participantes possam ler e resenhar o livro.

O Poder da Vingança
Carol Antonucci
Editora: Maresia

"Rebecca Morelli é filha da estilista mais famosa da cidade. Ela tem os melhores amigos que poderia imaginar e carrega o esplêndido talento de modelar os vestidos para os desfiles da mãe. Mas como resultado de toda fama, sua vida perfeita é apenas uma fachada. Um acidente fez com que a relação com sua família se tornasse um pesadelo. As noites em casa viraram um caos, repletas de pavor e gritos. Em pouco tempo, Rebecca descobre segredos envolvendo seus pais, sua amiga que não via há anos e, principalmente, Daniel Palacci, um rapaz sarcástico e misterioso. Becky então se vê no meio de uma rede de mentiras, traições, assassinatos e perseguições. Sem saber com quem contar, Becky se encontra num dilema: Confiar ou não em Danny, que aparentemente é o único capaz de salvá-la, mas ao mesmo tempo o principal a levá-la para uma armadilha. Seria o amor capaz de arrancá-la das garras do mal, ou introduzi-la cada vez mais nesse mundo onde não existem escapatórias?"

Quando eu li a sinopse de O Poder da Vingança eu fiquei com muita vontade de ler o livro, quando a Carol anunciou o booktour e me inscrevi, já fiquei ansiosa para que ele chegasse logo em casa e começar a leitura. Eu me identifiquei muito com a escrita da autora, principalmente nas músicas, as bandas que foram citadas eram as bandas que eu ouvia muito na minha adolescência, e toda música que aparecia no livro me batia uma nostalgia boa... 

Rebeca Morelli é uma garota como qualquer outra garota, feliz e cheia de amigos, a diferença entre ela e as garotas comuns é que ela é filha de uma grande e famosa estilista. Rebeca ajuda sua mãe com sua marca de roupas, cria, costura e modela lindos vestidos para os desfiles, mas ela se sente ignorada pela mãe por não dar os devidos créditos a filha que tanto a ajuda.

A família Morelli não é uma família exemplo, depois de um acidente misterioso, a família vem a cada dia se destruindo mais, o pai de Rebeca vive enchendo a cara e descontando suas raivas na mãe, que apanha calada, fazendo com que Becky e seu irmão Matheus ignorem as brigas, mesmo contra vontade.

Voltando para casa depois de um desfile, um garoto misterioso entra na vida de Becky, Daniel Palacci é um garoto charmoso e cheio de graça, mas logo de cara já se mostra uma pessoa perigosa. Na primeira vez que ele conversa com Rebeca, ele conta que sabe sobre o acidente, Becky fica atordoada, já que ninguém sabe sobre e as pessoas de sua família evitam qualquer comentário.

Daniel continua aparecendo misteriosamente na vida de Rebeca, até que ela descobre que ele faz parte da banda de seu irmão, ficando cada vez mais amigo da turma. Rebeca e Daniel acabam ficando muito próximos, e ela acaba gostando do garoto. 

Um dia Sara, uma antiga amiga de Rebeca, volta para a cidade e fica chocada ao dar de cara com seu ex-namorado Daniel, ele deixou um trauma terrível na vida da garota. Sara então conta a sua versão da terrível história de Daniel, o que o garoto teria feito com ela, deixando todos em alerta. Porém, Daniel sabe se justificar, e agora, em quem acreditar? 

Coisas estranhas acontecem o tempo todo nessa história, deixando sempre na dúvida sobre quem está falando a verdade e de que lado ficar. Eu não consegui ter simpatia por Rebeca, em vários momentos eu sentia muita raiva dela, aquele personagem que consegue te irritar em todas as escolhas, sabe? Não sei se foi por isso que eu acabei achando muitas partes do livro exageradas, até porque, acontece muita coisa que não é comum no dia-a-dia de um ser humano e Becky continua aceitando como se fossem coisas naturais do curso da vida. 

Não sei se a proposta do livro é falar sobre a síndrome de estocolmo da personagem, Rebeca vive uma vida muito conturbada em casa, o que poderia justificar a personagem sentir qualquer tipo de laço com um agressor, eu acabei a leitura com um sentimento de pena misturado com ódio, e continuo na dúvida sobre tudo o que li até então.

O Poder da Vingança é um livro com muita história boa e cheia de mistérios que é desenvolvida ao longo da história, o que me deixou frustrada é que o livro é muito grande (530 páginas) e todas as histórias só começam a desenrolar e serem explicadas depois da página 250, a leitura no início me deixou muito confusa, porém do meio para frente eu consegui ler tudo de uma só vez.

É um livro cheio de altos e baixos, recheado de mistérios e vingança, é um livro forte e surpreendente. Vale a pena a leitura!

Livro no Skoob: O Poder da Vingança
Nota: