08 agosto 2017

Resenha: A Maldição do Titã

Percy Jackson e os Olimpianos
A Maldição do Titã

Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Tradução: Raquel Zampil
"Um chamado do amigo Grover deixa Percy a postos para mais uma missão: dois novos meios-sangues foram encontrados, e sua ascendência ainda é desconhecida. Como sempre, Percy sabe que precisará contar com o poder de seus aliados heróis, com sua leal espada Contracorrente... e com uma caroninha da mãe. O que eles ainda não sabem é que os jovens descobertos não são os únicos em perigo: Cronos, o Senhor dos Titãs, arquitetou um de seus planos mais traiçoeiros, e nossos heróis serão presas fáceis. Um monstro ancestral foi despertado – um ser com poder suficiente para destruir o Olimpo –, e Ártemis, a única deusa capaz de encontrá-lo, desapareceu. Percy e seus amigos têm apenas uma semana para resgatar a deusa sequestrada e solucionar o mistério que ronda o monstro que ela caçava.  Divertidíssima e repleta de ação, essa terceira aventura da série coloca nosso herói e seus aliados frente a frente com o maior desafio de suas vidas: a terrível profecia da maldição do titã."

Esse é o terceiro livro da série, e esta resenha
pode conter spoilers dos primeiros livros! 


A função principal de um sátiro é encontrar e levar meio-sangues em segurança para o acampamento. Nessa nova aventura, o sátiro Grover encontra dois irmãos semideuses em uma escola e pede a ajuda de seus amigos Percy, Annabeth e Thalia, agora em forma humana, para leva-los em segurança ao acampamento, já que monstros estão atrás deles, e os irmãos precisam de um treinamento adequado.

Porém, a busca por Nico di Angelo e Bianca di Angelo acaba sendo mais difícil que parecia, e, apesar de contar com a ajuda das Caçadoras de Ártemis, um grupo de garotas que renunciaram a companhia de homens para seguir a deusa da caça e da lua, o monstro escapa levando Annabeth. 

Ártemis convence Bianca a se tornar uma caçadora, lhe oferecendo liberdade e imortalidade, a garota, cansada de sempre cuidar do seu irmão, aceita a oferta, deixando Percy e Thalia chateados. A deusa então manda as caçadoras para o acampamento com os semideuses e parte em busca de um monstro poderoso. 

Com o tempo Percy começa a ter sonhos estranhos com Luke, Annabeth e Ártemis, e acredita que Annabeth e Ártemis estão correndo perigo. 

Enquanto Luke continua em busca do seu desejo de destruir o Olimpo, Zoë Doce Amarga, a mais velha das caçadoras, é mandada pelo Oráculo para a missão em busca das duas desaparecidas, ela pode escolher dois semideuses e duas caçadoras para a acompanhar na missão, então ela resolve levar Grover e Thalia, que se ofereceram, e Bianca e Febe.

“A oeste, cinco buscarão a deusa acorrentada,
um se perderá na terra ressecada,
a desgraça do Olimpo aponta a trilha,
Campistas e Caçadoras, cada um, brilha,
a maldição do titã um deve sustentar,
“E, pela mão do pai, um irá expirar.”

Percy ficou chateado por não ser escolhido para participar da missão, e mesmo assim resolve ir atrás de seus amigos com a ajuda de Blackjack, seu pégaso. A presença de Percy acaba sendo uma boa ideia, apesar de errada, porque Febe tem um problema e não pode mais participar da missão, então os amigos puderam contar com sua ajuda. 

Rick Riordan conseguiu escrever mais um ótimo livro para a saga, com mais aventuras, mais lutas, mais sabedoria, novos personagens, contanto um pouco mais sobre a mitologia e melhorando aspectos dos dois primeiros livros, como o amadurecimento dos personagens, mais diálogos e maior interação dos deuses com os semideuses. Gostei tanto de A Maldição do Titã como dos outros livros, uma pena ter demorado tanto para começar a ler. Recomendo a todos.


Livro no Skoob: A Maldição do Titã
Nota: